domingo, 9 de maio de 2010

Lá se vai a rivalidade

Em 16 anos de carreira é a primeira vez que assisto a uma cena destas, e logo em simultâneo. Os adeptos do Sp. Braga a festejarem um golo do V. Guimarães e os do Nacional a celebrarem um do Marítimo. Vamos por partes: houve um outro golo, o de Cardozo na Luz, que agitou as bancadas do Estádio da Madeira, sendo que parte substancial dos nacionalistas pulou de alegria com a pontaria do paraguaio. Engolindo o orgulho, os bracarenses gritaram «golo» quando o Vitória marcou ao Marítimo, porque uma vitória dos «minhotos-ditos-espanhóis» arruma de vez com as esperanças do Nacional de se apurar para a Liga Europa.

No meio disto tudo, e depois de uma primeira parte em que dominou completamente as operações, o Sp. Braga sofre um golo, apontado pelo inevitável Edgar Silva. A coisa está muito negra para o arsenal de Domingos...
Enviar um comentário