sexta-feira, 16 de outubro de 2015

Jackson perdeu a paciência


Mesmo quando era alma goleadora do FC Porto, Jackson nunca conseguiu ser um indiscutível na seleção colombiana, talvez uma dos conjunto mundiais que tem mais soluções no ataque, ao contrário, por exemplo, de Portugal. A Colômbia foi derrotada por 3-0 pelo Uruguai de Maxi Pereira. A Jackson soltou os fantasmas. 

PS: Jackson e Óliver. Dois grandes jogadores que saíram do FC Porto e tardam em vingar no Atlético Madrid. Pode ser só uma questão de tempo - ou pior, uma questão de inadaptação ao modelo de Simeone. 

(Carregue no link para ver o vídeo)

Jackson, quien tan solo ha sido titular en 12 oportunidades en la era de José Pékerman, ya se encuentra en la capital española. En su arribo le preguntaron si estaba molesto por no ser tenido en cuenta en la Selección y su respuesta fue vehemente: “Lógicamente, eso no se puede esconder”.
Enviar um comentário