sexta-feira, 19 de outubro de 2012

No Mundial... aos 45 anos


Lembra do japonês Kazu? Se for torcedor do Santos ou do Coritiba, certamente guarda com carinho esse nome. Não pela qualidade do futebol, mas pelo ineditismo. Nos anos 80, ele se tornou o primeiro jogador de seu país a atuar no Brasil. Agora, 22 anos depois de deixar os campos verde-amarelos, ele vai disputar sua primeira Copa do Mundo. Mas de futsal.
Aos 45 anos, ele é o nome mais conhecido da seleção que vai disputar a Copa do Mundo da Tailândia, em novembro. Sua presença no elenco foi confirmada nesta quinta-feira, pelo técnico espanhol Miguel Rodrigo, e é uma compensação pela história de Kazu com Copas do Mundo. Em 1994, ele era o principal jogador da Ásia, eleito no ano anterior o principal atleta do continente, mas o Japão não se classificou  - os representantes asiáticos foram Coreia do Sul e Arábia Saudita.
Em 1998, ele foi um dos grandes jogadores na campanha que levou o Japão para a Copa da França. Marcou 14 dos 51 gols da equipe nas eliminatórias. Quando o técnico Takeshi Okada definiu o time que iria disputar o torneio, porém, o nome do atacante, então com 31 anos, não estava na lista.
“Disputar a Copa do Mundo de futsal é o ápice para um jogador do salão. Estou muito orgulhoso por ter recebido esta chance, bastante motivado, embora seja uma categoria diferente. Não se trata de ser uma melhor do que a outra. Disputar uma Copa do Mundo é o meu sonho”, afirmou o jogador ao site da Fifa, quando seu nome apareceu na pré-lista.
Fonte: UOL Esportes
Enviar um comentário