sábado, 24 de setembro de 2011

Teremos líder?



O Braga tem hoje 90 minutos para assaltar a liderança do Campeonato. Não é um desafio novo na vida dos Guerreiros, que em 2009/10 mantiveram-se durante boa parte da Liga Zon Sagres no topo da classificação, não dando sinais de vertigens ou falta de oxigénio. Ainda é cedo para fazer vaticínios, mas não é cedo para sublinhar o mérito deste arranque do conjunto minhoto, que esta época foi sujeito a uma acentuada renovação no plantel, em especial no sector defensivo.

O Nacional nunca ganhou em Braga na condição de visitante - em 12 jogos empatou dois e perdeu os restantes. Se se mantiver o padrão dos últimos anos, haverá expulsões e, possivelmente, alguma polémica à mistura. Ou não. Também se previam problemas bicudos no derby minhoto e no clássico de ontem, no Dragão, e a verdade é que ambos os jogos foram pacíficos, tirando um ou outro foco de «incêndio» fora dos estádios.

4 comentários:

Miguel Nunes disse...

N tivessemos um Porto que vem de um dos melhores anos da sua história, e um Benfica cheio de craques, e com um treinador muito forte, e este poderia ser o ano em que o campeonato fugiria para outro lado que não o dos grandes.

Tenho gostado bastante mais do Braga que do Sporting...

pascoal sousa disse...

Se a lógica imperar, o campeão será o Porto ou o Benfica. Mas acho que o Braga continuará a persegui-los. É uma equipa que ainda nem sequer está a 50 por cento das suas capacidades, mas que sobe escadas de qualidade com incrível serenidade e muita (auto)confiança.

Tim disse...

Isso passa depressa...

Frontale disse...

Passa sempre e depois...é o que se tem visto. Há duas épocas vaticinou-se quase até à último jornada que "isto é só até à próxima derrota"!

Mas é assim que o Braga gosta de estar: na sombra!