sexta-feira, 15 de julho de 2011

Pedro, o grande



Vou gostar de assistir ao jogo de apresentação do Vitória aos seus sócios, esta noite, frente ao Rio Ave. Não pelo cartaz desportivo, mas pelo simbolismo que se reveste o regresso de Pedro Mendes ao berço. Mais que um grande jogador, que foi e continua a ser, Pedro Mendes é um ser humano íntegro, sem tiques de vedeta, um futebolista com carisma e liderança, que será, seguramente, um bom exemplo para a miudagem do balneário e não só. Suponho que será ele a única novidade da noite. Mas mesmo que surja uma surpresa, a maior ovação da noite já tem dono. É certinho.
Enviar um comentário