sábado, 27 de fevereiro de 2010

Viagem ecológica a Lisboa



Estou em Lisboa, onde cheguei por volta das 18.30 horas, meia hora mais cedo que a comitiva do FC Porto, que foi recebida do Hotel Altis por cerca de uma dúzia de adeptos. Parte da viagem foi feita atrás do veículo dos azuis e brancos, debaixo de um temporal que só acalmou em Coimbra. Pelo caminho, vi uma A1 perigosamente coberta de ramos, com muitas árvores caídas junto à berma, três pinheiro escaparam mesmo para a faixa de rodagem, antes de Aveiro, criando nos condutores um sentimento terrível de insegurança.

Em Santarém, já com as condições meteorológicas normalizadas, disse adeus às baixas rotações e acelerei rumo ao Altis, aguardando pela chegada do FC Porto. Pelas minhas contas, já fiz 12 descidas assim à capital. Não é uma jornada que me encha o espírito, mas enfim... Fica a consolação de ser uma viagem ecologicamente recomendável: ir atrás do autocarro dá para poupar muito combustível, mesmo em dia de intempérie e vento forte. Média de 5.9 litros aos 100 km na minha Astra 1.7. Se fosse sempre assim...
Enviar um comentário