quinta-feira, 21 de janeiro de 2010

O que fiz durante os penalties do Belenenses-FC Porto



Cheguei ao Porto vindo de Freamunde, liguei o carro, percorri uns seis quilómetros e parei numa estação de serviço da Galp para comprar tabaco, voltei arrancar e meti gasóleo na estação de serviço do Jumbo perto do aeroporto (sou burro, não? Gasóleo a menos de 1 euros? Embora lá), desbravei cinco quilómetros até casa, abri o portão, guardei o carro mas deixei o rádio ligado, acendi um pensativo cigarro (Oh, meu Eça!), fui buscar as cadelitas à rua, para onde se tinham escapado sem eu ver, apaguei o cigarro e... de repente, ao 30.º penalty, o Farías lá resolveu o assunto. Até foi rápido.
Enviar um comentário