sábado, 26 de setembro de 2009

A candidata (não é a outra senhora)



A Candidata (quase um romance histórico). É o título do primeiro romance de Carlos Pereira Santos, que será apresentado depois de amanhã, no quartel dos Bombeiros Voluntários de Leça. Membro-fundador e presidente vitalício da OLP (Organização Leça da Palmeira), amigo de longa data, colega, chefe, por vezes confidente, companheiro de copos nos raros momentos em que a noite nos convida a regressar ao passado de solteirões felizes, CPS é uma referência para dezenas de jornalistas. Para mim, é isso e muito mais. Foi pela sua mão que entrei no «Norte Desportivo», enquanto esperava que o destino me libertasse do serviço militar obrigatório, como veio a acontecer. O que era um passatempo passou a coisa séria. Ficou o bichinho.



Chega de falar do passado. É justo referir que CPS é um jornalista de eleição. Ao longo dos anos deu a conhecer dezenas de jornalistas, entre os quais me incluo, e hoje continua a abrir caminho para que novos repórteres vinguem na profissão. São já 20 e tal anos de amizade, por isso espero que o seu romance seja um êxito de vendas, porque a história de certeza que vale cada cêntimo que se pagar.
Enviar um comentário