terça-feira, 4 de novembro de 2008

Mourinho, aí vou eu!



Amanhã, se tudo correr bem, estarei em San Siro, a assistir ao treino do Sporting de Braga. Se correu tudo muito bem, terei as duas/três páginas prontas quando Jorge Jesus der a sessão por terminada. Se a coisa der para o excelente, estarei a horas decentes a jantar junto da Piazza Del Duomo, para onde está prevista a concentração de adeptos bracarenses no dia do jogo com o Milan.

Imagino que as conversas dominantes em Milão andem à volta de José Mourinho e do surpreendente e sofrido empate 3-3 do Inter no estádio do Anorthosis. Não é todos os dias que o colosso italiano leva três golos de uma equipa cipriota a quem ninguém dava crédito. O Special One não caiu ainda no goto dos italianos. Coisas do mestre Alves? No credo en brujas, pero...

Entretanto, o Sporting alcançou o seu objectivo na Champions. Paulo Bento, bem ao seu estilo, impôs regras e indicou o caminho do sucesso a um leão que vai ter os cofres bem mais recheados este ano.
Enviar um comentário