quinta-feira, 27 de novembro de 2008

Valeu pelos oitavos




Acho que o Sporting não deve estacionar muito tempo o pensamento no jogo com o Barcelona. Os erros e tiros nos pés devem ser avaliados à luz de uma realidade incontornável: os catalães têm um conjunto qualitativamente melhor. Grande trabalho de Guardiola, que impôs uma revolução de efectivos e de mentalidades no Barça muito contestada no início, mas que revelou ser o caminho certo para a regeneração da equipa. O Barcelona joga muito, joga bonito e quando não empresta beleza ao seu futebol é porque está a descansar. Foi o que aconteceu na segunda parte, sem que daí resultasse qualquer drama.

Gostei particularmente da reacção do Sporting após o intervalo. O resultado é mau? É. Não prestigia. Mas a passagem aos oitavos de final apaga essas recordações azedas de uma qualificação histórica.

PS: Jogo do Sp. Braga-Wolsgburgo às 21.30 horas? Lá estarei. Uma vez que na Alemanha serão 22.30 horas, imagino que o jogo não irá despertar grandes audiências num país em que a maioria da população trabalhadora salta da cama entre as 6 e 7 horas da matina.
Enviar um comentário