sexta-feira, 3 de outubro de 2008

Benfica de qualidade


Foto: Yahoo/Reuters

Muito boa e convincente a exibição do Benfica na vitória por 2-0 sobre o Nápoles. A equipa está na fase de grupos da Taça UEFA com todo o mérito e em claro crescendo de forma, confirmando-se, por outro lado, a reabilitação de duas figuras grandes do futebol: Reyes (mais um grande golo) e Nuno Gomes (movimento brilhante de cabeça após belo cruzamento de Carlos Martins).

Portugal fica com dois representantes na segunda prova da UEFA, já que também o Sp. Braga passeou classe em Bratislava, vencendo facilmente o Artmedia por 2-0, com Luís Aguiar a bisar. No conjunto da eliminatória, os eslovacos foram arrumados com 6-0, o que é revelador da diferença de qualidades entre as equipas.

Uma palavra de apreço ao V. Guimarães pela forma como batalhou no Castelo. Primeira parte notável, segunda metade em claro esforço e sofrimento. O Portmouth empatou 2-2 no prolongamento (marcou o homem-robot, Peter Crouch ), mas por momentos foi bom ver o ar estupefacto dos ingleses quando Douglas e João Alves marcaram.

O Marítimo perseguiu o milagre em Valência mas o melhor que conseguiu foi chegar ao intervalo a vencer. Rezam as crónicas que a arbitragem influenciou o resultado, para benefício dos espanhóis. O V. Setúbal foi de peito aberto à Holanda. Louve-se a coragem, mas com tantos erros defensivos o melhor mesmo foi sair da UEFA.
Enviar um comentário