domingo, 3 de agosto de 2008

Sp. Braga em alta


Parece-me preocupante que um serviço público como a RTP se «esqueça» que no quadrangular do Sp. Braga participaram... quatro equipas e não apenas duas. Ok, foi bom saber que o FC Porto goleou 4-1 o Cagliari, mas numa altura em que o jogo Sp. Braga-Leixões já tinha terminado há algum tempo teria sido simpático uma simples referência ao resultado. O torneio trouxe duas evidências: o FC Porto continua fortíssimo, com Hulk já a marcar, enquanto o Sp. Braga está bem lançado para recuperar o estatuto de quarto grande, ou, quem sabe, procurar atingir algo mais. O Sp. Braga melhorou em termos de organização. E não falo apenas do plantel, mas de tudo o que o rodeia, desde o edifício do futebol profissional, ao departamento de comunicação externa, passando pela prospecção e gabinete médico. Há uma nova filosofia, acompanhada de uma imagem mais arrojada e forte que poderá conduzir este Sp. Braga a voos bem altos. Em termos desportivos, a única reserva que levanto é relativamente à factura da entrada precoce na competição, por força da participação da equipa na Taça Intertoto e do cansaço inerente à corrida até à fase de grupos da UEFA. Anteriores treinadores pagaram caro a acumulação de jogos e os apertos do calendário. Curiosamente, o único que não passou por essas provações foi Jesualdo Ferreira...
Enviar um comentário