domingo, 15 de junho de 2008

Brasil, onde andas?


(Lágrimas de Diego na derrota em Assunção)

O Brasil soma e segue: depois de um desaire histórico frente à Venezuela, hoje foi derrotado pelo Paraguai (Óscar Cardozo entrou nos últimos nove minutos, Luisão ao saiu do banco). A crise na equipa de Dunga está instalada e a Crítica já começa a questionar as opções do técnico.

PARAGUAI, 2- BRASIL, 0
Local: Estádio Defensores del Chaco, em Assunção (Paraguai)
Data: 15 de junho de 2008 (domingo)
Horário: 16h (de Brasília)
Árbitro: Jorge Larrionda (Uruguai); Auxilioares: Pablo Fandiño e Maurício Espinosa
Cartões amarelos: Cáceres (Paraguai), Juan (Brasil) Cartão vermelho: Verón (Paraguai)
GOLOS: Roque Santa Cruz (26) E Cabañas (49)
PARAGUAI: Villar; Verón, Cáceres, Paulo da Silva e Caniza; Barreto, Santana e Enrique Vera; Valdez (Vitor Cáceres), Cabañas (Torres) e Roque Santa Cruz (Cardozo)

Técnico: Gerardo Martino
BRASIL: Júlio César; Maicon, Lúcio, Juan e Gilberto; Gilberto Silva, Mineiro (Adriano), Josué (Anderson) e Diego (Júlio Baptista); Robinho e Luis Fabiano

Técnico: Dunga
Enviar um comentário