sexta-feira, 30 de maio de 2008

A jornada de Afonso de Melo


A agência de meios e publicidade SAR vai lançar amanhã um novo semanário desportivo intitulado “A Jornada”. O projecto será dirigido pelo jornalista Afonso de Melo. A primeira edição terá uma tiragem de 30 mil exemplares, distribuição nacional e um preço de capa de um euro, noticia a edição online do “Jornal de Negócios”.O jornal terá 48 páginas, será todo a cores e apostará no futebol, dando preferência a entrevistas, reportagens e análises na sua abordagem. “Sabemos que há um desencanto dos leitores portugueses com a imprensa diária desportiva e esta é uma forma de tentar perceber se não há espaço no mercado para um jornalismo desportivo diferente”, explicou Afonso de Melo.Questionado sobre a situação do mercado, o director acredita que ainda há público para este novo projecto mas admite que as vendas não cheguem aos 30 mil exemplares, apesar de garantir que com 15 a 20 mil “A Jornada” já será sustentável, pois tem “a mais valia de estar inserida numa agência de meios, o que traz vantagens no mercado de anunciantes”, tendo a primeira edição oito páginas de publicidade asseguradas.
Fonte: Público
Tenho muitas dúvidas de que haja mercado em Portugal para este tipo de publicação (é é pena que assim seja), mas não posso deixar de desejar sorte a Afonso de Melo, um dos jornalistas mais brilhantes e incompreendidos que conheci. Filho de Águeda, escritor lúcido e talentoso, jornalista de ímpar visão e com uma escrita adocicada que convoca o que de mais belo as palavras dão a ser humano, o Afonso vai de certeza oferecer ao leitor um bom produto. Quem sabe se um produto capaz de desmentir a tese que acima defendi.
Enviar um comentário