quinta-feira, 28 de fevereiro de 2008

Não deu galo, mas...


A par do Belenenses, o Gil Vicente terá sido a única equipa esta época a jogar de peito aberto no Dragão. E não me venham cá dizer que o FC Porto jogou com a equipa B, porque só os ordenados de Mariano, Lucho e Stepanov davam para cobrir o orçamento do galo para a equipa profissional. Volvidos quase dois anos sobre o caso Mateus, observo, com agrado, que o Gil deu um passo firme na aposta dos valores formados no clube. Para mim será uma das surpresas na recta final da Liga Vitalista. Para subir? Pode ser, pode ser...
Enviar um comentário